9 de fevereiro de 2019

Um dia da caça, outro do caçador


Nesta sexta-feira, 8, foi revelado na imprensa que a Receita Federal abriu um procedimento para identificar supostos "focos de corrupção, lavagem de dinheiro, ocultação de patrimônio ou tráfico de influência" do ministro Gilmar Mendes e de sua mulher, Guiomar Mendes.

O magistrado enviou ofício ao presidente do STF, Dias Toffoli, pedindo a adoção de "providências urgentes" para apurar a iniciativa de auditores fiscais de investigar a ele e a seus familiares sem "nenhum fato concreto" que pudesse motivar a devassa.

Como bem diz a sabedoria popular, “um dia da caça, outro do caçador”.

...................................................................................................................................................................

Parceiro anunciante


Um comentário:

Fabio Souza disse...

Senão deve nada,e nada tem a esconder, então pq essa reação tão nervosa!?