10 de fevereiro de 2019

Deputado José Dias diz que Fátima Bezerra “prefere pagar os correligionários dela” e aqueles que não são correligionários “que fiquem na rua da amargura”


Em entrevista a Tribuna do Norte, o deputado estadual José Dias fez críticas a escolha feita pela gestão da governadora Fátima Bezerra de pagar os salários de janeiro e fevereiro deste ano sem definir como vai quitar o pagamento dos salários atrasados.

O deputado aponta que uma implicação desta escolha é garantir as remunerações em dia para cargos comissionados nomeados no atual governo, enquanto os exonerados ficaram sem pagamento: “Ela [Fátima Bezerra] prefere pagar — e isso é uma preferência política condenável, ilegal e criminosa — os correligionários dela. Aqueles que não são correligionários que fiquem na rua da amargura”.


...................................................................................................................................................................

Parceiro anunciante


2 comentários:

Anônimo disse...

Ela não tá pagando apenas os comissionados da atual gestao, e sim todos os funcionários do estados . Claro que ela tem q pagar os atrasados , mas também e bom lembra que não foi Fátima que deixou os salário atrasados .


Fabio Chagas

Anônimo disse...

Bom dia,
É sempre bom lembrar que se os salários dos servidores estão atrasados, fruto de uma heranças maldita, advinda do governo anterior, tem a colaboração direta dos deputados estaduais, que não devolveram os mais de R$ 500 milhões, que tinham nos cofres da ALRN, e que posteriormente, usaram para fazerem campanha antecipada, distribuindo ambulâncias e viaturas para policia. Penalizando diretamente, os servidores, o governo Robson, por herança, Fátima e inindiretamente o resto da população .
Antonio