1 de agosto de 2017

Prefeito Gustavo Soares terá que prestar esclarecimentos ao MPRN sobre possíveis casos de nepotismo

Uma representação da Ouvidoria do Ministério Público do RN provocou a abertura de inquérito civil pela 1ª Promotoria de Justiça de Assú. O prefeito de Assú, Gustavo Montenegro Soares, terá que prestar esclarecimentos ao MPRN sobre possíveis casos de nepotismo

O inquérito é originado de uma ‘notícia de fato’ de abril deste ano para “acompanhar supostas irregularidades em nomeação de servidores parentes de vereadores” pela prefeitura de Assú.

A investigação é para “apurar supostos casos de nepotismo referente à nomeação de Ivanaldo Araújo de Medeiros Júnior e Maria Ângela Sobrinho para os quadros da Prefeitura Municipal de Assu”.

Parceiro anunciante

Um comentário:

Anônimo disse...

Rizza, mãe, gerente.
Lulinha, primo, secretário.
Chefe de gabinete, sogro do deputado.
Arquiteta, prima.
Só os que lembrei agora.
Antônio Silva