10 de junho de 2017

Prestação de contas do ASSU revela um déficit de R$ 72 mil na temporada 2017

O Rabiscos do Samuel Junior fez uma análise da prestação de contas da Associação Sportiva Sociedade Unida (ASSU) na temporada 2017.

As receitas do clube atingiram o montante de R$ 326,4 mil. Desse total, R$ 120 mil foi do patrocínio da prefeitura de Assú e R$ 87 mil da parceria Juan/Asiscol.

As rendas líquidas renderam ao clube a importância de R$ 28,4 mil. Já a FNF proporcionou uma receita de R$ 15 mil.

A renda proporcionada pelos patrocinadores, associados e torcedores chegou a R$ 31 mil.

O valor total das despesas alcançou o montante de R$ 398,6 mil. O item folha de pagamento foi quem mais pesou. Em dezembro a folha foi de R$ 66,3 mil; janeiro, R$ 62,3 mil; fevereiro R$ 53 mil, e março R$ 47 mil.

As despesas com material esportivo atingiram o valor de R$ 26 mil. Com pousada/casa do atleta, o valor gasto foi de R$ 22,5 mil. As despesas com energia, água e gerador ficaram em torno de R$ 19 mil.

Também teve despesas com combustível (R$ 19,9 mil), viagens (R$ 11,8 mil), fornecedores de alimentos (R$ 20,8 mil), farmácias e outros (R$ 9,9 mil), passagens aéreas e terrestres (R$ 8,1 mil), assessoria marketing (R$ 4,3 mil) e multa paga no tribunal (R$ 6 mil).

Ainda foram realizadas despesas com manutenção do carro de apoio, transporte interno, refeições nas viagens, material gráfico, exames e consultas, e transação disciplinar.

No final o déficit apresentado foi de R$ 72,1 mil. Como na prestação de contas tem um item ‘restos a pagar’, esse déficit poderá ser alterado.


Parceiro anunciante

Nenhum comentário: