1 de maio de 2017

Sem horário gratuito

Tramita no Senado projeto de lei do tucano Paulo Bauer, de Santa Catarina, que acaba com o horário eleitoral gratuito e a propaganda partidária anual no rádio e na televisão.

Essa proposta é daquelas que tem o apoio quase unânime. Ou não? O que você acha?

Parceiro anunciante

5 comentários:

Anônimo disse...

tem q acabar logo!!!!!!!!!!!!
Antonio Silva

Maria José disse...

Que acabe logo, as noveleiras e noveleiros agradecem kkkkkkk

Anônimo disse...

Sou a favor de acabar com o horário eleitoral gratuito. E mais: também sou a favor de diminuir a quantidade de senadores e deputados federais. Francisco Antonio

Franklin Oliveira disse...

E os beneficiários é que vão decidir se acaba ou não? Sei não viu! Será que vão acabar com essa mamata deles?

Anônimo disse...

Este horário de propaganda eleitoral é pura enganação. Acaba logo!

Claudio Alencar