16 de março de 2017

Secretário Ivan Júnior afirma que Programa Água Doce beneficiará 30 mil pessoas no RN

As ações do Programa Água Doce (PAD), desenvolvidas no Rio Grande do Norte pela secretaria estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) serão discutidas durante o IV Encontro do PAD/RN, que acontecerá amanhã (17), na Escola de Governo, em Natal.

O evento tem o objetivo de acompanhar a execução do convênio com o estado e aprofundar as discussões técnicas com vistas à implantação dos sistemas de dessalinização previstos para o RN.

Foto: Assessoria de imprensa da Semarh
Consultores do Ministério do Meio Ambiente (MMA) se encontram no estado desde segunda-feira (13), realizando visitas técnicas nas unidades de dessalinização já implantadas e conversando com os técnicos da Semarh que atuam no programa.

Das 68 comunidades que estão sendo beneficiadas na primeira etapa do convênio, 44 já receberam a tecnologia e mais quatro obras já estão em andamento. Uma das obras entregues é um projeto piloto que o MMA escolheu implantar no estado do RN: o sistema de dessalinização alimentado por energia solar, na comunidade Maria da Paz, em João Câmara.

O convênio firmado entre o MMA e a Semarh no valor de R$ 19,9 milhões tem como meta implantar 103 sistemas de dessalinização em comunidades rurais do semiárido Potiguar, duas unidades demonstrativas, dois sistemas de dessalinização movidos a energia solar e a revitalização da unidade demonstrativa de Caatinga Grande, cuja execução deverá ocorrer até outubro de 2017.

O secretário Ivan Júnior explica que até agora o programa já atendeu mais de 9 mil pessoas e até o final desse convênio, serão beneficiadas 30 mil.

O PAD é uma ação do Governo Federal coordenada pelo MMA e como objetivo estabelecer uma política pública permanente de acesso à água de boa qualidade para consumo humano, através dos dessalinizadores.


Parceiro anunciante

Nenhum comentário: