17 de janeiro de 2017

Promotor eleitoral solicita cassação de Gustavo Soares e Sandra Alves e juiz notifica os dois para apresentarem defesa

O juiz da 29ª Zona Eleitoral, Marivaldo Dantas de Araújo, assinou despacho notificando o prefeito de Assú, Gustavo Montenegro Soares, e a vice-prefeita, Sandra Regina Meireles Holanda Alves, para apresentarem defesa, no prazo de cinco dias, à representação do Ministério Público Eleitoral, que aponta irregularidades na prestação de contas da campanha eleitoral.



No final da representação do MPE, o promotor eleitoral Daniel Lobo Olímpio, requer:




Parceiro anunciante

4 comentários:

Anônimo disse...

e agora RSJ o que os situacionistas de plantão, irão dizer? contra fatos, não há argumentos.
kkkkkkkkkkkkkkkkk
a cada dia fica mais proximo de Assú não ter Dr prefeito.

Vladimir Moura.

VALE DO ASSU ESQUECIDO disse...

A única coisa que isso vai mostra e que as eleições são uma comédia, quer dizer que o concorrente trabalhou toda a campanha honestamente, as contas não tem nada a ver com a vontade do povo...Pode sorri mais no final você vai chora mais uma vez 55

Nicodemos disse...

Já foram casados? ???? Ou notificados??? Entendo que a MATÉRIA tem que ser tendenciosa.

Samuel Junior disse...

Você leu direito a matéria? No título tem "promotor eleitoral solicita cassação" e "juiz notifica para apresentarem defesa". Esses trechos de documentos são oficiais, não foram elaborados pelo RSJ.