domingo, 1 de janeiro de 2017

PP assuense começa o ano enfraquecido

A decisão unilateral do presidente do Partido Progressista (PP) assuense, José Maria, de abrir mão da indicação de um nome da legenda para compor o secretariado do prefeito eleito Gustavo Montenegro Soares (PR) (leia AQUI ), não foi bem recebida por alguns militantes do partido.

Um desses insatisfeitos é Leônidas Neto. Informações chegadas ao Rabiscos do Samuel Junior são que ele não ‘digeriu’ bem a atitude de seu tio José Maria de excluir a participação do PP da próxima administração municipal.

A insatisfação é tanta, que Leônidas Neto já declarou que não faz mais parte dos quadros do PP.

Pois é. O Partido Progressista começa o ano enfraquecido. Sem um representante no secretariado do executivo assuense e com menos filiados.


Parceiro anunciante

Nenhum comentário:

Postar um comentário