terça-feira, 20 de setembro de 2016

Coligação ‘Assú Avançando’ emite nota com o título “A Farsa da Oposição”

Texto da Assessoria 55 Assú

NOTA DE ESCLARECIMENTO DA COLIGAÇÃO ASSÚ AVANÇANDO

A FARSA DA OPOSIÇÃO

A Coligação Assú Avançando, que tem como candidato a prefeito de Assú Patrício Júnior (PSD), vêm a público desmentir as falácias que a oposição tem disseminado a respeito da ausência do candidato no Seminário Sobre Projetos de Habitação & Agricultura Familiar, idealizado pelo Instituto de Desenvolvimento Habitacional Canaã (IDEHAC) e pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais na Agricultura Familiar do Assú (SINTRAF-Assú) no último domingo (18).

A coligação denuncia o autoritarismo da organização do evento, que não aceitou as adequações sugeridas pelo grupo da situação. Diante da irresponsabilidade dos organizadores, a coligação Assú Avançado achou por bem não participar em função das várias irregularidades presentes que serão expostas aqui.

A oposição também mente ao denominar o evento de “debate”, quando na verdade era um “seminário” para a apresentação de propostas. A mentira se dá unicamente para tentar macular a imagem do candidato Patrício Júnior, que não foi ao evento pelas razões que aqui serão expostas. Acrescente-se que o pseudo-debate que oposição diz ter feito sequer era de conhecimento do TRE.

Ressalte-se ainda que, mesmo ausente, o candidato Patrício Júnior apresentou as propostas ao evento através de uma nota que foi enviada para os organizadores e assinada pelo delegado da Coligação Assú Avançando. No entanto, evidenciando a imparcialidade dos organizadores, eles se recusaram a ler o documento diante da plateia.

Na semana que aconteceu o seminário, a Coligação Assú Avançando sugeriu alterações no evento, estas que não foram atendidas pelos realizadores. Antes de mais nada, destaque-se que o seminário foi um evento político disfarçado de institucional, pois é pública e notória a ligação de alguns de seus organizadores com alas do PMDB, partido que faz parte da coligação oposicionista.

Uma das irregularidades mais gritantes era com relação à segurança do evento. Não havia nenhum aparato de segurança para conter possíveis exaltações políticas, o que colocaria em risco a integridade física das militâncias, também por ser o evento em praça pública e sem nenhuma divisão que contivesse os grupos. Mesmo após a Coligação Assú Avançando pedir providências com relação a isso, nada foi feito por parte da organização.

A Coligação Assú avançando também solicitou que o evento fosse mediado por algum serventuário do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), o que também não foi atendido pelo IDEHAC, colocando em xeque mais uma vez a isenção e imparcialidade dos organizadores em torno do que a oposição resolveu de uma hora para outra denominar “debate”.

Ademais disto, o IDEHAC custeou a vinda de centenas de pessoas ligadas à oposição, alugando vários ônibus a fim de locomover pessoas ligadas ao grupo oposicionista em direção ao evento, também nitidamente com a intenção de fazer movimentação política na cidade, aproveitando-se indevidamente desse capital humano presente.

Diante do exposto, a Coligação Assú Avançando esclarece e descortina mais uma farsa da oposição e tomará as devidas providências junto à Justiça Eleitoral.


Parceiro anunciante

Nenhum comentário:

Postar um comentário